quinta-feira, 10 de janeiro de 2019

O Principezinho

Esta é a história do menino que vivia num asteróide, com os seus vulcões em miniatura e a sua linda rosa vermelha, e usava cabedal a flutuar ao vento. Um dia ele resolveu viajar e visitou a Terra onde encontrou um grande amigo, que depois contou a história desse menino. 

Excerto
Vivi, pois, sempre só, sem ter ninguém com quem falar verdadeiramente, até uma avaria no deserto do Sara, há seis anos. Algo se partiu no motor do meu avião. E como não levava nem mecânico, nem passageiros, preparei-me para tentar executar, sozinho, uma reparação difícil. Para mim, era uma questão de vida ou de morte. Tinha apenas água suficiente para oito dias.
Na primeira noite, adormeci deitado na areia, a milhas e milhas de qualquer terra habitada. Estava mais isolado que um náufrago numa jangada, em pleno oceano. Podem então imaginar a minha surpresa quando, ao romper do dia, uma vozinha curiosa me despertou. Dizia:
— Por favor… Desenha-me uma ovelha!

Vem conhecer esta bela história de amizade...!
Já está disponível na Biblioteca!

Sem comentários: