quarta-feira, 16 de janeiro de 2019

A Túlipa Negra

A narrativa decorre sem omitir o lado brutal dos acontecimentos históricos da época. O protagonista, Cornélio van Baerle, vê-se imerso numa complexa trama política que torna manifesta a violência e os crimes que turvam a história de qualquer Estado. O jovem Cornélio será vítima de uma obscura conspiração urdida pelo seu pior inimigo. Apesar de inocente, será acusado de alta traição e condenado a prisão perpétua. Na prisão conhece Rosa, a bela filha do carcereiro, e entre eles floresce o amor. Amante do cultivo de tulipas, moda que na altura assolava o país, empreende o projecto de fazer germinar, em segredo, uma túlipa negra, a mais esquiva e preciosa do seu género. Esse objectivo será alcançado com a ajuda da sua amada, e será graças a ele que conseguirá provar a sua inocência e assim recuperar a liberdade, bem como ser recompensado pelas autoridades com cem mil florins.

Excerto
Coisa estranha! Tanto interesse e o amor-próprio da arte não tinham extinto em Isaac a feroz inveja, a sede da vingança. Algumas vezes, vendo van Baerle no telescópio, tinha a ilusão de que apontava um mosquete infalível, e procurava com o dedo o gatilho para disparar o tiro que devia matá-lo.

O que será que aconteceu? Queres saber? Então vem requisitar o livro.
Já está disponível na Biblioteca!

terça-feira, 15 de janeiro de 2019

O Conde de Monte Cristo - II

«Para fazer justiça à minha fama de excêntrico, deixo-lhe a escolha das armas e aceitarei, sem discussão, qualquer uma, porque tenho a certeza de ganhar.»
Alexandre Dumas

Diz-se que a vingança é um prato que se serve frio. Ou mesmo gelado, como no caso de Edmond Dantès. Após cerca de quinze anos de cárcere injusto, o marinheiro Dantès consegue fugir do quase intransponível Castelo de If, uma prisão edificada num rochedo a dois quilómetros da costa de Marselha. Uma vez livre, o jovem parte em busca de um magnífico tesouro - cuja localização lhe foi adiantada pelo abade Faria, seu companheiro de masmorra - e, depois, de uma terrível e calculada vingança contra os seus inimigos.

Excerto
Alguns dias após este encontro, Albert de Morcef visitou o Conde de Monte Cristo na sua casa dos Campos Elísios, que já tinha assumido aquela aparência de palácio que a fortuna principesca do Conde lhe permitia, mesmo até nas suas residências temporárias. Ele veio renovar os cumprimentos da Madame Danglars, que já tinha prestado ao Conde por carta assinada...

Estás interessado em saber o que acontece a seguir? Então vem requisitar o livro.
Já está disponível na Biblioteca!

segunda-feira, 14 de janeiro de 2019

O Mistério das Cartas Anónimas

Mistério e muito suspense em mais uma aventura dos Cinco Descobridores... e do seu Cão. Em Peterswood, alguém tem andado a enviar cartas maldosas. A Gladys e a Sra. Moon estão terrivelmente abaladas. Quem será o autor das cartas anónimas?
Suspeitos não faltam: a linguaruda da Sra. Tittle, o excêntrico Abelhudo... Ou talvez...
Os Cinco Descobridores e o seu Cão vão encontrar o culpado!

Excerto
Jogos, aulas, desporto, discussões, zangas e partidas, tudo faz parte de um animado ano escolar para Diana e suas amigas! Mas o maior acontecimento de todos é a pantomina, inteiramente escrita, interpretada e produzida pelas alunas do quinto ano.


E tu? Queres saber quem é o culpado?
Então vem requisitar o livro! Já está disponível na Biblioteca!

sexta-feira, 11 de janeiro de 2019

Harry Potter e a Ordem da Fénix

Este tem sido um Verão ainda mais insuportável que o costume, para Harry Potter. Sozinho com os Dursley, não consegue perceber por que razão Ron e Hermione lhe enviam respostas tão vagas às suas cartas...
Isolado do mundo mágico a que pertence, Harry segue atentamente os noticiários, convencido de que até os Muggles se aperceberão de alguma coisa, se Lord Voldemort voltar a atacar...
E é então que os acontecimentos se precipitam. Parece impossível, mas, no bairro mais Muggle do mundo Muggle, Harry é emboscado por Dementors! Para salvar a sua vida e a do primo Dudley, Harry não tem outra hipótese senão usar magia – mesmo sabendo que isso significará a sua expulsão mais que certa de Hogwarts.Enquanto o Ministério da Magia continua a não acreditar que o terrível Senhor das Trevas está de volta, Voldemort e os seus fiéis Devoradores da Morte já começaram a preparar o seu regresso ao poder.
Porém, há uma nova esperança: uma antiga ordem secreta, da qual os pais de Harry fizeram parte, voltou a organizar-se e Dumbledore está atento. 

Este é o 59.º livro da coleção Estrela do Mar.
Já está disponível na biblioteca!

quinta-feira, 10 de janeiro de 2019

O Principezinho

Esta é a história do menino que vivia num asteróide, com os seus vulcões em miniatura e a sua linda rosa vermelha, e usava cabedal a flutuar ao vento. Um dia ele resolveu viajar e visitou a Terra onde encontrou um grande amigo, que depois contou a história desse menino. 

Excerto
Vivi, pois, sempre só, sem ter ninguém com quem falar verdadeiramente, até uma avaria no deserto do Sara, há seis anos. Algo se partiu no motor do meu avião. E como não levava nem mecânico, nem passageiros, preparei-me para tentar executar, sozinho, uma reparação difícil. Para mim, era uma questão de vida ou de morte. Tinha apenas água suficiente para oito dias.
Na primeira noite, adormeci deitado na areia, a milhas e milhas de qualquer terra habitada. Estava mais isolado que um náufrago numa jangada, em pleno oceano. Podem então imaginar a minha surpresa quando, ao romper do dia, uma vozinha curiosa me despertou. Dizia:
— Por favor… Desenha-me uma ovelha!

Vem conhecer esta bela história de amizade...!
Já está disponível na Biblioteca!

quarta-feira, 9 de janeiro de 2019

Horóscopos Chineses - Rato

Gregário, inteligente e delicado, o Rato tem um círculo de relações sociais em constante expansão. É um ser atenciosos, interessado e leal, e com pendor para a grande paixão nas suas relações emocionais.
Na China o rato está associado ao dinheiro e quando se ouve o ruído das suas patinhas, à noite, diz-se que estão a «contar dinheiro».

Descobre as características deste signo do horóscopo chinês.
Já está disponível na biblioteca!

terça-feira, 8 de janeiro de 2019

As 7 Cores de Oníris

Em resposta à guerra, uma cadeia montanhosa praticamente intransponível divide Oníris em sete partes, separando as sete raças humanas por cada um dos novos territórios. Reza a lenda que representantes das diferentes raças terão agora de se unir, ultrapassando as suas diferenças, para conseguir superar as provas de Deo - o deus criador- e recuperar a harmonia e a unidade do seu mundo.
Bigo, Seara, Norma e os gémeos Lyra e Aryl, nas suas aventuras, transportam-nos através de Oníris e dão-nos a conhecer as origens e as histórias deste mundo singular.
Mas o grupo não poderá vencer o grande desafio enquanto elementos das sete raças não trabalharem juntos para o mesmo objetivo, e há forças que se movem para lhes dificultar essa tarefa.
Os deuses estão atentos e tomam partido...

Queres saber como termina esta história de um mundo mágico?
Então vem requisitar o livro.
Já está disponível na Biblioteca!

segunda-feira, 7 de janeiro de 2019

Concurso Nacional de Leitura (13.ª Edição) - Resultados

Regulamento
As provas referentes à primeira fase do Concurso Nacional de Leitura já foram corrigidas pelo júri. Os alunos apurados para segunda fase são os seguintes:

2º Ciclo
1.º Aluno - Maria Clara Barata (6.º G / 18)
2.º Aluno - Guilherme Ferraz (6.º E / 17)

Consulta aqui os resultados finais.

3º Ciclo
1.º Aluno - Rita Costa (9.º A / 20)
2.º Aluno - Daniela Neves (9.º A / 6)

Consulta aqui os resultados finais.

A Prova Municipal de Oeiras do Concurso Nacional de Leitura realiza-se no dia 25 de fevereiro de 2019, no Auditório Ruy de Carvalho, Rua 25 de Abril, Carnaxide. Para mais esclarecimentos consulta aqui as normas.

A obra selecionada para o 2.º ciclo é Diário inventado de um menino já crescido de José Fanha e para o 3.º ciclo é O livro misterioso de Margarida Fonseca Santos. Começa agora a ler!

Parabéns aos vencedores...!

A Professora Bibliotecária,
Isabel Santos

sexta-feira, 4 de janeiro de 2019

Horóscopos Chineses - Macaco

Independente, astuto e sociável, o Macaco consegue sempre adaptar-se a novas situações. É uma criatura fascinante e entusiasta, e uma vez encontrado o par ideal é carinhoso e dedicado.
A sensibilidade é uma das suas virtudes e preocupa-se com as dificuldades dos outros. Está preparado para lutar por uma causa justa, mas é extremamente oportunista porque suspeita que os seus esforços poderão elevar a sua reputação.

Descobre as características deste signo do horóscopo chinês.
Já está disponível na biblioteca!

quinta-feira, 3 de janeiro de 2019

D. Isabel de Aragão, Rainha Santa

Aplica-se a esta nobre senhora, com toda a propriedade, a expressão "reinar para servir".
Nasce com o desígnio de santidade. O selo maior da sua passagem por este mundo foi, sem dúvida, o amor ao próximo sobretudo o doente, o órfão, a prostituta e o leproso.
Paralelamente, revelou-se uma notável mulher de cultura, uma diplomata hábil, uma rainha inteligente, uma esposa tolerante, uma mãe dedicada.


Lê o livro para ficares a conhecer melhor a vida desta Rainha portuguesa!
O livro já está disponível na biblioteca!

quarta-feira, 2 de janeiro de 2019

Dá-me o Teu Coração

A Carina corre perigo de vida! Mas não é só ela que está ameaçada! As experiências de manipulação genética levadas a cabo nas instalações do BioDevelop estão fora de controlo e há verdadeiros monstros que andam à solta, pondo em perigo a vida de todos: são ratazanas com braços, rosto e vozes humanos, híbridos genéticos realmente assustadores e capazes de engendrarem planos malévolos e imprevisíveis.
Uma destas criaturas escapa dos laboratórios e jura vingança sobre aqueles que o criaram!
Carina leva para casa um aparentemente inofensivo ratinho branco que, modificado geneticamente, vai transformar-se e querer... arrancar-lhe o coração!

Emoção à solta numa das etapas mais emocionantes da tua Matriz C.
O livro já está disponível na biblioteca!

terça-feira, 1 de janeiro de 2019

Dia Mundial da Paz

Os 98 anos de Sophia de Mello Breyner Andresen

E porque hoje é o Dia Mundial da Paz deixamos aqui, como presente para todos, um poema de Sophia de Mello Breyner Andresen.

A Paz sem Vencedor e sem Vencidos

Dai-nos Senhor a paz que vos pedimos 
A paz sem vencedor e sem vencidos 
Que o tempo que nos deste seja um novo 
Recomeço de esperança e de justiça 
Dai-nos Senhor a paz que vos pedimos 

A paz sem vencedor e sem vencidos 

Erguei o nosso ser à transparência 
Para podermos ler melhor a vida 
Para entendermos vosso mandamento 
Para que venha a nós o vosso reino 
Dai-nos Senhor a paz que vos pedimos 

A paz sem vencedor e sem vencidos 

Fazei Senhor que a paz seja de todos 
Dai-nos a paz que nasce da verdade 
Dai-nos a paz que nasce da justiça 
Dai-nos a paz chamada liberdade 
Dai-nos Senhor a paz que vos pedimos 

A paz sem vencedor e sem vencidos 

Sophia de Mello Breyner Andresen, in 'Dual'

Feliz Dia da Pazsão os votos da equipa da biblioteca.

A Professora Bibliotecária,
Isabel Santos