segunda-feira, 19 de março de 2018

Uma Ilha de Sonho

- Estava apavorado. Julguei que era o último dia da minha vida. Mas com medo ou sem ele, meti-me num batel com o meu amo para rebocar o navio através do nevoeiro. E lá fomos avançando, avançando ... pensava eu que avançávamos para cair no inferno!
A expressão de Álvaro era tão cómica que largaram todos a rir.
- Estão-se a rir? Também a gente riu ... quando mais adiante nos vimos chegados a uma ilha tão formosa. Parecíamos um bando de miúdos aos gritos e aos abraços, troçando de nós mesmos por termos tido medo desta terra abençoada!

Este é o 4.º volume da coleção Viagens no Tempo!
Já disponível na Biblioteca!

Sem comentários: