quinta-feira, 22 de setembro de 2011

Mosteiro dos Jerónimos

Antes de qualquer preliminar, uma certeza em forma de síntese: o Real Mosteiro de Santa Maria de Belém, mais conhecido por Mosteiro dos Jerónimos, é um símbolo da nação esculpido em pedra.
Este monumento não é mais do que uma forma de excesso. É uma vertigem. Inevitavelmente ligado à epopeia dos Descobrimentos, situado em Belém, Lisboa, à entrada do Rio Tejo, constitui o ponto mais alto da arquitetura manuelina e o mais notável conjunto monástico de século XVI em Portugal - e uma das principais igrejas-salão da Europa.
O mosteiro não conheceu (e não conhece) os limites da perfeição e da desistência.

Este é o 2.º volume da colecção O País das Maravilha!
Já está disponível na Biblioteca!


Sem comentários: