quinta-feira, 30 de setembro de 2010

Apertos do Aparelho Respiratório I

Respira é vital
Nenhum de nós tem consciência de respirar. De facto, expirar e inspirar é um acto totalmente mecânico, sem o qual o nosso organismo não sobreviveria.
Precisamente porque o oxigénio é o principal alimento das células e quando estas não recebem, em quantidade suficiente, morrem. è o caso das células nervosas do cérebro que ficam destruídas se forem alimentadas com oxigénio ao fim de três minutos. O ar que respiramos contém 20% de oxigénio que chega às células depois de percorrer um longo caminho. Ao inspirarmos, o ar penetra nos pulmões e a partir daí, através do aparelho circulatório, chega a todas as células que retêm 4% aproximadamente e produzem um produto de desperdício, o gás carbónico, que é transportado pelo sangue para os pulmões que o expulsam.
É evidente a importância que o ar tem para o nosso organismo em consequentemente, a importância vital de respirar. Neste tema, aprenderás a solucionar alguns percalços  que em determinados momentos afectam o aparelho respiratório de uma pessoa. Trata-se de tenta evitar qualquer interrupção no fornecimento de oxigénio às células.

Este é o 48.º volume da colecção Era uma vez... O Corpo Humano!
Já se encontra disponível na Biblioteca, vem consultar!

terça-feira, 28 de setembro de 2010

Marc

«Hoje, Franz Marc é conhecido principalmente pelas suas pinturas de animais. A popularidade do seu quadro A Torre de Cavalos Azuis, actualmente desaparecido, rivaliza com a das pinturas de flores de Emil Nolde. Mas enquanto Nolde pintou até uma idade avançada, Marc criou os seus quadros mais famosos ao longo de um período limitado de apenas quatro anos. Foram precisos dez anos para que Marc passasse da pintura tradicional da Academia de Munique, experimentando entretanto vários estilos diferentes, à linguagem formal que se cristalizaria, finalmente, no seu estilo pessoal.»

Vem folheá-lo, ler, ver as pinturas, admirar os traços, as cores...!
O livro já está disponível na biblioteca!

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

O Gato Malhado e a Andorinha Sinhá

Esta é a história de um gato que se apaixona por uma andorinha causando estranheza em todos os outros animais que habitavam um parque. A Andorinha está prometida ao Rouxinol mas, ao mesmo tempo, incentiva o amor do Gato. Acontecem juras, o Gato escreve poemas, eles passeiam juntos enquanto as outras personagens condenam o amor impossível. Entao é preciso ver o mundo de outra forma e deixar a vida fluir.

Jorge Amado escreveu O Gato Malhado e a Andorinha Sinhá em 1948, para o seu filho João Jorge, quando este completou um ano de idade. O texto andou perdido, e só em 1978 conheceu a sua primeira edição, depois de ter sido recuperado pelo filho e levado a Carybé para ilustrar. Com ilustrações belíssimas, para um belíssimo texto, a história de amor do Gato Malhado e da Andorinha Sinhá continua a correr mundo fazendo as delícias de leitores de todas as idades.

terça-feira, 21 de setembro de 2010

O Cérebro

Para que serve o Sistema Nervoso?
Como sabem, o nosso corpo é formado por muitos órgãos diferentes e cada um cumpre uma determinada missão.
Além disso, para que o nosso organismo funcione perfeitamente, todos os órgãos devem actuar sem problemas e coordenadamente.
Basta que um trabalhe mal para que as outras funções vitais se desequilibrem e o nosso organismo se ressinta.
O Sistema Nervoso está encarregado de coordenar todas as funções de todas as partes do corpo.
Mas além disso, o Sistema Nervoso relaciona-se com tudo o que nos rodeia: recebe as mensagens do exterior, elabora as respostas e dá ordens oportunas a fim de que os músculos ou órgãos actuem conforme convenha.

Este é o 8.º volume da colecção Era uma vez... O Corpo Humano!
Já se encontra disponível na Biblioteca, vem consultar!

segunda-feira, 20 de setembro de 2010

Dom Quixote Contado às Crianças

Versão para crianças do romance "O engenhoso fidalgo Dom Quixote de La Mancha" de Miguel de Cervantes.
A fascinante história do cavaleiro manchego Dom Quixote é contada pela prestigiada catedrática Rosa Navarro Durán, com palavras simples, nascidas de um profundo respeito, fidelidade e amor pelo original.
Os desenhos são obra do reconhecido ilustrador Francesc Rovira, que recreou todos os detalhes, ternos e expressivos, deste genial romance através da magia das suas aguarelas.
Nas palavras de Rosa Navarro «a leitura não é uma obrigação, mas um prazer. E os clássicos são os nossos modelos...». Por isso, sentimo-nos orgulhosos de aproximar o Dom Quixote de meninos e meninas, e de o partilhar com eles. Este grande romance está cheio de aventuras divertidas e maravilhosas, de sonhos e magia, de ensinamentos e lições. Contém histórias de amor, encantamentos, batalhas, mistérios... O melhor livro ao alcance das crianças.

PNL - Leitura Orientada na Sala de Aula
 (12 exemplares)

sexta-feira, 17 de setembro de 2010

Dezembro à Porta

Novo volume da Biblioteca António Torrado, desta feita expressamente dedicado ao Natal. Inclui oito pequenos contos em torno de temas natalícios, com o habitual toque de simplicidade e jovialidade que caracterizam o Autor e que fazem dele um dos escritores portugueses da actualidade mais aclamados entre o público juvenil.
Dos oito contos desta colectânea, apenas dois haviam já sido publicados em livro. Os restantes provêm do site www.históriadodia.pt, que em 2004 bateu todos os recordes de visitantes em Portugal.

O livro já está disponível na Biblioteca!

PNL - Leitura Orientada na Sala de Aula (12 exemplares)

quinta-feira, 16 de setembro de 2010

Poeta (às Vezes)

A Rafael Santa-Cruz corre-lhe no sangue a poesia, uma sensibilidade secreta cujos horizontes não cabem nos limites familiares e escolares. 
Na escola tem por colega um rapaz, filho de um pai muito diferente do seu. Os dois amigos vão unir-se numa amizade que, não excluindo Vanessa ou Ana Lúcia, se desenvolve por caminhos de contornos misteriosos, por vezes inacessíveis, cruzados por emoções, vivências, apelos, solicitações, gritos surdos.
O desfecho desta amizade conduz à eterna pergunta: o que é o amor? Valerá a pena morrer por ele? Podem as convenções matá-lo, inscrevê-lo em códices identificados com a morte?

Queres saber as respostas a estas questões? 
Então vem à biblioteca requisitar este livro! Já está disponível!

quarta-feira, 15 de setembro de 2010

Incendiário Misterioso

De férias na serra, Lobo estava longe de esperar viver uma aventura real: a caça a um incendiário misterioso! 
Quem será?

Escrito com a sensibilidade a que nos habituou Maria Teresa Maia Gonzalez, uma história onde a mensagem ecológica é bem patente.


Queres viver esta aventura? 
Então vem à biblioteca requisitar este livro! Já está disponível!

segunda-feira, 13 de setembro de 2010

El Greco

Doménikos Theotokópoulos, mais conhecido como El Greco, foi um pintor, escultor e arquiteto grego que desenvolveu a maior parte da sua carreira na Espanha. Assinava as suas obras com o nome original, ressaltando sua origem.

«É relevante neste contexto que o pintor e escultor grego tenha ainda hoje a sua alcunha italiana, El Greco, «O Grego», embora tenha passado apenas dez anos em Itália e quase quarenta em Espanha (em espanhol seria «El Griego»). Ele próprio continuou até ao fim da sua vida a assinar os seus trabalhos com o seu próprio nome, Domenikos Theotokopoulos, em caracteres gregos, sublinhando desta forma a sua origem. Em Espanha, tratava-se a si próprio Domenico Greco

Vem folheá-lo, ler, ver as pinturas, admirar os traços, as cores...!
O livro já está disponível na biblioteca!

sexta-feira, 10 de setembro de 2010

Lote 12, 2.º Frente

"A angústia experimentada por Mariana, aquando da mudança para uma nova casa — no Lote 12, 2.º Frente de uma Rua Projectada, sem nome —, é a estratégia escolhida para, metaforicamente, nos ser retratada a entrada na adolescência da protagonista. As transformações físicas que ocorrem nesta rapariga de 12 anos são apresentadas numa linguagem reveladora de profundo cuidado. Mariana aceitou plenamente a sua irmã Rosa, foi abandonando progressivamente o seu egocentrismo caracteristicamente infantil, cresceu. Rosa é agora parte integrante do mundo feliz de Mariana."

Este é o 2.º volume da trilogia que começa com Rosa, Minha Irmã Rosa e termina com Chocolate à Chuva.

Queres saber sobre as transformações que a Mariana passou,
numa etapa tão complicada como é a adolescência? Então vem requisitar o livro!

Já está disponível na biblioteca!

quarta-feira, 8 de setembro de 2010

Mondrian

Pieter Cornelis Mondrian, geralmente conhecido por Piet Mondrian foi um pintor Holandês modernista. Participou no movimento artístico Neoplasticismo e colaborou com a revista De Stijl.

«O grande problema da pintura do seu tempo, segundo ele, é que os quadros abstractos, muitas vezes, parecem simplesmente ornamentados. Mondrian queria combinar a tradição com o novo, a arte abstracta devia parecer, neste aspecto, como uma continuação da grande pintura dos séculos passados.»

Vem folheá-lo, ler, ver as pinturas, admirar os traços, as cores...!
O livro já está disponível na biblioteca!

terça-feira, 7 de setembro de 2010

Há Males que vêm por Bem

O Filipe e a Filipa chegam atrasados à escola. Em sua casa aconteceu uma tragédia: rebentou um cano na parede, o leitor de CD da Filipa e o gameboy do Filipe ficaram estragados, a mãe perdeu o comboio - uma manhã para esquecer. Mas, uma vez mais, o chapéu mágico da professora Clotilde vai segredar "histórias com provérbios dentro" e mostrar que a sabedoria popular contém muitos ensinamentos. E, porque "Há males que vêm por bem", o Filipe e a Filipa vão ter uma grande surpresa.

PNL - Leitura Orientada na Sala de Aula
 (12 exemplares)

segunda-feira, 6 de setembro de 2010

Duchamp

Marcel Duchamp foi um pintor, escultor e poeta francês, cidadão dos Estados Unidos a partir de 1955, e inventor dos ready made.

«Visto sob a perspectiva actual, Marcel Duchamp parece ser o mais influente artista do século XX. A sua avaliação crítica das condições em que a arte foi criada e comercializada estabeleceu uma tendência que hoje continua actual. Foi Duchamp quem respondeu de forma mais radical às mudanças que foram impostas pela era industrial ao mundo da arte.»

Vem folheá-lo, ler, ver as pinturas, admirar os traços, as cores...!
O livro já está disponível na biblioteca!

sexta-feira, 3 de setembro de 2010

Já Não Faço Xixi na Cama!

O Dino foi convidado para dormir em casa do Picos na sexta-feira e está ansioso!
Vão ver os Medossauros na Floresta e comer pipocas de feno e… Mas há um pequeno problema: o Dino ainda faz xixi na cama.
Conseguirá ficar sequinho até sexta-feira?

Uma história ternurenta e reconfortante para os mais pequenos, que ainda fazem xixi na cama.

 está disponível na biblioteca!

quinta-feira, 2 de setembro de 2010

Apertos do Aparelho Respiratório II

Aprende a actuar
Até aqui temos vindo a falar de generalidades que são comuns a todos os tipos de acidentes respiratórios: por que motivo é necessário o oxigénio, quando se interrompe o processo da respiração, como deve actuar o socorrista com uma pessoa que padece de asfixia, etc.
Chegou a altura de perguntarmos se todos os acidentes respiratórios são iguais e se os cuidados e os primeiros socorros são sempre os mesmos.
Em princípio, sim. Como já vimos anteriormente, o socorrista tem de deixar livres as vias respiratórias e restabelecer a circulação sanguínea quando haja ataque cardíaco. Estas são as normas comuns que se aplicam a todos os acidentes em que se nota uma respiração difícil ou interrompida.
Mas, dado que o procedimento para se conseguir isso difere consoante os casos, devemos estudar os vários acidentes circulatórios para sabermos como actuar em cada um.

Este é o 49.º volume da colecção Era uma vez... O Corpo Humano!
Já se encontra disponível na Biblioteca, vem consultar!